Notícias sobre logística

Newsletter #11 Logística da vacina, PIB e coach

#11

Cadeia de suprimentos global não está preparada para vacina
Setores que transportam mercadorias falam sobre os desafios de distribuir uma potencial vacina contra a Covid-19 para bilhões de pessoas

03 de agosto de 2020

Fabricar uma vacina rapidamente já é muito difícil, mas distribui-la mundialmente implica muitas outras variáveis que podem criar obstáculos: a infraestrutura  desacelera diante do que será uma crise prolongada, justo quando farmacêuticas precisam aumentar a escala para o maior lançamento de um produto, e com maiores consequências, da história moderna.

"Não estamos preparados", disse Neel Jones Shah, responsável global de relações com companhias aéreas da transportadora Flexport, de São Francisco, durante webinar na semana passada com outros executivos de logística. "Não podemos prejudicar a carga, deixando-a no asfalto por alguns dias. Destruiremos as vacinas."

Julian Sutch, responsável pela divisão farmacêutica da Emirates SkyCargo, estimou recentemente que um cargueiro Boeing 777 pode transportar apenas 1 milhão de doses individuais de uma vacina. Isso significa que o transporte aéreo de regimes de duas doses para proteger metade da população mundial exigiria espaço em cerca de 8 mil aviões de carga.

Outro problema de capacidade envolve refrigeração. Autoridades de saúde disseram que uma vacina que chegue ao mercado provavelmente precisará ser mantida entre 2 e 8 graus Celsius durante todo o processo de transporte. Qualquer desvio pode estragar as vacinas.

Esses detalhes ainda não foram resolvidos e as transportadoras estão cientes da necessidade de organização. Mas, por enquanto, esperam sinais das farmacêuticas. É factível, mas não sem uma estratégia global coordenada.

COMEÇOU A 2ª EDIÇÃO DA LOGCONFERENCE

HOJE, ÀS 09H - Vagner Café, supervisor de logística florestal na Klabin, e Gilmar Pértile, CEO no Fretefy, conversam sobre O retorno financeiro e a inovação com tecnologia, tema importante para o setor logístico. Participe!

Confira a programação completa no site oficial da LogConference e faça sua inscrição gratuitamente!

NOTÍCIAS DA SEMANA

Setor de transportes terá o pior ano da história com pandemia

Os transportes encerrarão o ano com o pior desempenho de sua história: o PIB do segmento terá tombo de 7% em 2020.

O setor deverá passar por um encolhimento provocado pela crise que só deve terminar em 2021. Por ser transversal, é necessário que outros setores da economia se recuperem para que as empresas de transporte se restabeleçam — diz Ricardo Jacomassi, sócio e economista-chefe da TCP Partners.

Muitas empresas do setor estão recorrendo à recuperação judicial como forma de evitar a falência, suspendendo compromissos com credores até que a empresa se recupere.

Solução para a crise deve passar por investimento em tecnologia, automatizando processos e reduzindo a intervenção humana.

Sindicato das Empresas de Transporte de Carga de São Paulo disponibiliza serviços de Coaching e Psicologia

O SETCESP (Sindicato das Empresas de Transporte de Carga de São Paulo e Região) lançou dois novos serviços de consultoria. Agora, a entidade oferece Coaching e Psicologia aos trabalhadores.

Os atendimentos estão disponíveis inclusive para não associados. A lista de profissionais credenciados e maiores detalhes sobre os agendamentos estão disponíveis aqui neste link.

De acordo com o sindicato, o objetivo dos serviços é que os profissionais do setor possam potencializar suas habilidades, na busca por seus objetivos, mantendo o foco, mesmo em momentos de crise.

O FRETEFY PAGA PELA SUA INDICAÇÃO

Se você tem experiência em vendas, logística, tecnologia ou todos eles, você pode fazer uma renda extra no Fretefy!

Participe do nosso Programa de Parcerias! Tudo o que você tem que fazer é indicar uma empresa aderente ao uso do Fretefy.

Ficou interessado? Clique aqui e saiba todos os detalhes!

ESCRITO POR