+1600 profissionais da logística usam o Fretefy.

Entenda aqui.
Tecnologia em Logística

Desafios do Transporte e Logística 4.0

Os principais desafios do transporte para agronegócio podem ser solucionados com a logística 4.0.

Neste artigo, vamos falar de um dos recursos mais importantes do sistema de gestão do Fretefy: o Oferecimento de cargas!

Mas, antes, vamos falar um pouco desse setor que puxa o país economicamente e alimenta a população brasileira e do mundo.


O agronegócio e o transporte terrestre

A Companhia Nacional de Abastecimento - Conab divulga todos os anos o calendário de safras brasileiras. O anúncio do 1º Levantamento da Safra de Grãos de 2020/21 foi realizado em outubro. 

De acordo com o Acompanhamento da Safra Brasileira 2020/2021, os cereais, grãos e leguminosas do Brasil aumentarão em 253,2 milhões de toneladas em 2021, um aumento de 0,5% em relação a 2020, ou 1.248.158 toneladas.

O agronegócio continuará sendo um dos motores de crescimento do país, com safras recordes para 2021. A previsão é feita por Thomas Gautier, responsável pelo mercado rodoviário da Edenred Brasil. Além disso, isso deve estimular a demanda pelo setor de transportes.

Já vimos nas nossas news que o agronegócio foi responsável por evitar um novo declínio da economia brasileira em 2020. Portanto, o agronegócio é um dos setores que mais demanda frete. No acumulado de janeiro a outubro de 2020, o aumento foi de cerca de 6,5%. Os dados são da Repom, que atua na área de gestão e pagamento de frotas. Os bons resultados refletem a necessidade de escoamento da produção agrícola para exportação.


O agronegócio e o transporte para exportação

Também sabemos que, atualmente, os produtos agropecuários são responsáveis por 21% da movimentação dos portos brasileiros.

Os dados do boletim de logística da Agência Nacional de Transportes Aquaviários (ANTAQ) revelam o impacto dos produtos agrícolas nas exportações brasileiras. Em setembro de 2020, o superávit comercial do setor era de US$ 75,5 bilhões: US$ 85,8 bilhões (exportações) e US $ 10,4 bilhões (importações). Segundo dados do Ministério da Economia, as exportações brasileiras em outubro chegaram a 210,7 bilhões de dólares e as do agronegócio chegaram à metade desse total.

No setor agropecuário, o valor total do composto de soja é o maior, respondendo por 39,2% do valor total, seguido por carnes, com um valor total de 16,4%.


Desafio da logística do agronegócio: armazenamento e transporte

Segundo dados do Ministério da Agricultura, Abastecimento e Pecuária (Mapa), o valor total do agronegócio (VPB) de 2020 aumentou 8,5% em relação ao ano anterior, atingindo R$703,8 bilhões. A Federação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) está mais otimista e deve bater o recorde de 740,3 bilhões de reais, um aumento de 12,4% em relação a 2019. Do lado das exportações, as estimativas da Congo, empresa de consultoria especializada em agronegócio integrado, atingiram níveis recordes. O valor total é de 106,1 bilhões de reais, dos quais as importações são estimadas em 12,3 bilhões de dólares americanos, resultando em um saldo sem precedentes de 93,8 bilhões de dólares americanos.

Como a produção estimada é muito grande, ela enfrenta muitos desafios, como problemas de armazenamento, que é um dos principais problemas cíclicos vividos pelo setor de logística. Segundo dados da Empresa Nacional de Abastecimento (Conab), a capacidade de armazenamento é de 170 milhões de toneladas de grãos, e a produção deve ultrapassar 250 milhões de toneladas.

Estima-se que devido às condições das estradas, as perdas da região no ano de 2019 foram de 2 bilhões de reais. Esse é mais um obstáculo do agronegócio.

“Nosso principal meio de escoamento são as rodovias, mas motoristas e produtores sofrem problemas como dificuldade de trafegabilidade, falta de sinalização e asfalto precário. Sem a estadualização da estrada, não há perspectiva de melhora”, disse Johnathan Ferreira, membro da associação dos produtores rurais do Vale do Iriri (MT).

Outro ponto fundamental onde a regra da distância física se torna mais evidente é a necessidade de reduzir a burocracia no departamento. Em auditoria recente, a equipe de controle de transporte constatou que, além de imprimir diversos documentos (até mesmo arquivos eletrônicos), as transportadoras também precisam preencher diversos formulários e sistemas.

Essas regras produzirão montanhas de papéis que precisam ser armazenados por cinco anos. Segundo a agência, a burocracia é causada pela falta de coordenação entre os diversos ministérios - economia, agricultura e infraestrutura - e pela falta de instituições responsáveis ​​pela integração desses modelos. Mesmo os transportadores classificados como transporte multimodal devem assumir toda a papelada necessária para cada método.


Aumento do valor do frete do agronegócio

O agronegócio brasileiro está preocupado com o impacto da proposta de reforma tributária proposta e em discussão na UIT.

A preocupação em onerar ainda mais o setor tem gerado polêmica, principalmente quando o assunto é a necessidade de tornar os produtores rurais pessoas físicas contribuintes por meio do Imposto sobre Produtos e Serviços (IBS), já que o agronegócio responde por mais de 20% do produto interno bruto (PIB) do país, sendo também a principal fonte de renda.

O presidente do Instituto CNA destaca que o país vai voltar a tributar o alimento da mesma forma que outros produtos, pesando no orçamento da população. "Vamos cobrar mais tributos sobre alimentos, que vão subir de preço, e manter a desoneração para produtos de luxo? Teremos carne, leite, pão, arroz e feijão com a mesma carga tributária de supérfluos? A sociedade precisa debater isso."


Soluções para o transporte no agronegócio

Existem muitos pontos a serem solucionados quando falamos em transporte para o agronegócio. Neste artigo, já falamos sobre como reduzir o custo do frete na logística de cargas agrícolas, formando cargas e fazendo a gestão do transporte:


LEIA AQUI: Como a gestão logística no setor agrícola pode trazer mais lucro para sua empresa rural


Agora, vamos mostrar para você como apenas com o planejamento e a programação das suas cargas, você pode solucionar um dos maiores problemas, que é o escoamento da sua produção. Tudo isso sem encarecer o seu frete, sem contratar mais, de forma simples e organizada.


Planejamento e programação das suas cargas

Como você faz o planejamento e a programação do transporte das suas cargas? Deixa eu adivinhar: planilhas de Excel, e-mails e mensagens, ligações. Acertei?

Esse trabalho de ligar para várias transportadoras, cotando frete, organizando a agenda, planilhando tudo isso, leva muito tempo. Além disso, a chance de alguma informação ser colocada errada na planilha é ainda maior. Sem contar a dificuldade para coordenar as informações de cada transportadora, tudo manual.

É possível fazer dessa forma, mas não traz o melhor resultado, nem garante certeza nas informações, nem economia de tempo e muito menos de dinheiro. A Fretefy enxerga todo esse trabalho como ineficiência nos processos. Além de ser um trabalho operacional pesado de horas, coisa que nosso sistema faria em segundos.

E é exatamente isso que o recurso de Oferecimento de Cargas da Fretefy faz! Ele reduz em 40% a operação de ligar e enviar mensagens para planejar e programar suas cargas. Sem intervenção humana, ele pode distribuir suas cargas automaticamente para todos os transportadores de uma só vez. Conforme as transportadoras vão aceitando suas cargas, elas saem da etapa de negociação e vão entrando para a etapa de carregamento, assim, tudo automático.

E, se você ainda não tiver uma transportadora e precisar fazer cotações, temos o recurso de Leilão Online, em que as cargas são direcionadas automaticamente a todas as transportadoras disponíveis. Assim, você consegue negociar numa só tela com todas elas, de forma centralizada e sem precisar trocar um monte de e-mails. Fazer cotação assim fica muito mais eficiente e rápido, além da sua safra não ficar muito tempo parada esperando para ser carregada.

Esse recurso é bastante amplo e permite um bom planejamento e programação de carregamento e de escoamento. Ele é bastante usado por nossos clientes do setor de agronegócio para dar maior vazão à sua safra, diminuindo o tempo de coleta e distribuição.


Planilhas de Excel x Funcionalidade do Oferecimento Fretefy

Um de nossos clientes participou da LogConference, nossa conferência de logística 4.0, dando seu depoimento sobre o uso do Excel: Danilo Clemente, Operador de Logística do Grupo Ubyfol. 

Danilo compartilha que ainda utiliza a ferramenta de forma complementar, mas que um sistema completo pode muito bem substituir a forma antiga de trabalho.

“O Grupo Ubyfol gerencia seu tempo utilizando o sistema e agendando 100% de suas cargas direto com as transportadoras”, declara Clemente referindo-se ao recurso de Oferecimento de Cargas do Fretefy.

Veja tudo sobre o uso do Excel na logística em comparação ao sistema Fretefy aqui nesta palestra:

ASSISTA: Além do excel, tecnologias para gestão logística online - LogConference 3ª Edição


Ligação x Funcionalidade do Oferecimento Fretefy

Outro cliente que possuía um grande problema para organizar os carregamentos era a Klabin. 

Vagner Café, Supervisor de Logística Floresta, compartilha um pouco do seu desafio: “Nosso problema era justamente como fazer distribuição de cargas. Nós temos quatro pessoas diariamente 24 horas por dia atendendo o telefone fazendo distribuição de mais de 20 frentes de trabalho.” 

A empresa do ramo florestal tem perfil de inovação muito forte, o que fez com que buscassem o Fretefy como uma solução possível e viável. “Então o método que nós encontramos foi a ferramenta Fretefy, que tem a capacidade de nós distribuirmos cargas em grande escala. A ferramenta me disponibiliza capacidade de distribuição rápida onde uma pessoa somente consegue fazer toda a programação diária ou semanal”, afirma Vagner. 

E-mails e mensagens x Funcionalidade do Oferecimento Fretefy

Outro cliente do ramo do agronegócio é a TecAgro. O Fretefy conseguiu resolver todos os problemas de comunicação que ela tinha com suas transportadoras. Com o recurso do Oferecimento do Fretefy, sua equipe de logística ganhou 40% de mais tempo do seu dia.

“Tínhamos a programação de safra do ano seguinte com grande aumento da demanda. Isso ia gerar um custo com a contratação de mais funcionários, cerca de R$2.800 mensais a mais. Além disso, com tanto volume, já dava pra saber que não ia conseguir operar minha safra de forma manual”, compartilha Rachel Peres, encarregada de logística da TecAgro.

“No agronegócio, não dá para armazenar e carregar. Então é muito importante conseguir coordenar os carregamentos para fechar o conglomerado de pedidos. E, geralmente, isso acaba se refletindo no alto custo do frete, principalmente por não ter frete retorno. Assim, o Fretefy é um balizador para ver quanto o transportador cobra, dentro de uma data específica. Servindo de comparativo.”, complementa Rachel.

LEIA MAIS AQUI: Como a gestão logística no setor agrícola pode trazer mais lucro


Solicite uma demonstração do Fretefy

Você já viu como apenas um recurso do Fretefy pode ajudar você. Para saber mais sobre como adaptamos o nosso sistema à sua operação, deixe seus dados que nosso especialista irá entrar em contato com você.

Quero que um especialista me ligue!


Saiba mais sobre o assunto de logística 4.0 para o agronegócio aqui:

Atuar em conjunto com o setor rural já uma expertise nossa, que levamos até em conferências. Veja aqui a palestra completa sobre Logística 4.0 no segmento de Agronegócio:


Sobre a Fretefy

A Fretefy é a única plataforma online do mercado a atender de forma eficiente a gestão completa de cargas para o agronegócio, as indústrias, distribuidoras e transportadoras. Desde a programação e distribuição para transportadores homologadas, localização em tempo real – mesmo de motoristas autônomos que não possuam rastreadores – até o comprovante de entrega digital para o cliente final e muito mais. 

1.6 mil profissionais de logística substituíram suas planilhas manuais pela automatização do Fretefy

SAIBA COMO AQUI
Gostou do artigo? Me ajude a compartilhar:
ESCRITO POR

Autora: Mariana Mitsui

Analista de comunicação voltada para redação e revisão, coordenação de assessoria de imprensa e formação de parcerias.

Junte-se a 11 mil inscritos para receber conteúdos sobre logística

Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form.
Não enviaremos SPAM. Somente dicas de gestão, notícias e aprendizados