+1600 profissionais da logística usam o Fretefy.

Entenda aqui.
Gestão de Frota

“A Fila andou...” Como reduzir o tempo de espera dos motoristas e otimizar a operação do armazém?

Tempo de leitura: 5 minutos

Se por algum tempo comentava que “brasileiro gosta de uma fila...”, essa realidade vem mudando fortemente!

As operações logísticas já não são mais as mesmas e administrar melhor as filas de caminhões para carga ou descarga, se tornaram essenciais na busca por maior eficiência em toda a cadeia de suprimentos!

A fila faz parte da rotina de todos nós. Existe fila para tudo e a grande pergunta que fica é: como administrar filas? Trazendo esse assunto para a gestão de pátio, por muito tempo esse controle ficou em segundo plano e poucas empresas que elaboravam algum tipo de organização mantinham o uso de controles manuais, desconexos e ineficientes. Ainda é comum encontrarmos empresas que operam dessa forma, mas a disponibilidade de tecnologia e a necessidade de aumentar eficiência operacional tem contribuído para mudar essa realidade em mercados cada vez mais competitivos.

Se pensarmos nos efeitos que as filas causam na cadeia logística como um todo, perceberemos que todos pagam essa conta! Caminhões que deveriam estar grande parte do seu tempo transitando, de fato acabam com menos de 50% do tempo em trânsito. Notamos de maneira corriqueira: negociações de estadias, frequentes contatos telefônicos com reclamações de caminhões a espera de carga e/ou descarga e o “efeito dominó” de atrasos em toda a cadeia, afetando diretamente o atendimento ao cliente. As resoluções que regulam o tempo de espera dos caminhoneiros e determinam o valor da tonelada hora que deve ser pago por conta de descumprimento do tempo de carga e descarga, de certa forma pressionam embarcadores em busca de uma melhor gestão operacional. Porém, percebemos ainda uma grande lacuna a ser preenchida por melhores fluxos operacionais e implementação de tecnologias que suportem o planejamento e organização, com a finalidade de evitar congestionamentos nos pátios.

1.6 mil profissionais de logística substituíram suas planilhas manuais pela automatização do Fretefy

SAIBA COMO AQUI

Mas como organizar as filas de caminhões e gerar eficiência na gestão do pátio?

A implementação de um processo de agendamento de veículos, combinado à aplicação de tecnologia que permita um fluxo integrado com fornecedores e clientes, tem se mostrado o melhor caminho. Claro que conhecer a sua operação com profundidade é fundamental para que o processo implementado leve em consideração todas as variáveis e particularidades existentes em cada negócio, buscando a digitalização do processo de ponta a ponta, permitindo que as funcionalidades implementadas estejam adequadas aos fluxos inbound e outbond de cada empresa. Ou seja, estamos nos referindo como é essencial entender a capacidade de movimentação do seu armazém, a disponibilidade necessária de docas (seja para recebimento ou expedição), os dias necessários de bloqueios de agendamento (por exemplo, o dia de inventário ou mesmo necessidades de paradas), as características dos materiais movimentados e como lidar com eventuais redimensionamentos das equipes para atender períodos de picos de movimentação de cargas.

Atualmente, existem ferramentas de agendamento colaborativas, que permitem acessos dos fornecedores e clientes, disponibilizando a eles a visibilidade de um cronograma com janelas de horários disponíveis para agendamento de veículos. Através de plataforma digital, com o preenchimento de dados iniciais obrigatórios que foram parametrizados na plataforma, o transportador realiza com autonomia a solicitação de agendamento nos dias e horários disponíveis, que posteriormente poderá ser confirmada a data ou rejeitada pela empresa. Esse acordo entre transportador e empresa, convergem em um processo de comunicação integrado e eficiente para ambos, contribuindo para melhor organização das filas e não somente isso, mas permitindo também a visibilidade e priorização de materiais urgentes que devam ter preferência na movimentação de carga para atendimento ao negócio.

Ou seja, as funcionalidades implementadas possibilitam ter visão da movimentação diária esperada, programar a operação no armazém para atender aos agendamentos, mensurar o desempenho do cumprimento da agenda, manter o controle mais eficiente do pátio e conciliar com a disponibilidade de capacidade de armazenagem existente para a recepção de materiais. Esse tipo de gerenciamento além de beneficiar a empresa, também contribui com os transportadores que poderão se planejar melhor, alavancar sua produtividade de tempo em trânsito e evitar transtornos enfrentados por caminhoneiros e profissionais logísticos.

E você? Ainda acredita que existe espaço na sua operação logística para administrar melhor filas pra cargas e descarga de caminhões?

Conheça melhor a Fretefy

A Fretefy pode te ajudar com a sua gestão de pátio e ainda automatizar processos, agilizando fluxos logísticos e ainda proporcionando mais tempo para sua equipe logística se dedicar a estratégias e planejamento.

Saiba mais em www.fretefy.com.br

Gostou do artigo? Me ajude a compartilhar:
ESCRITO POR

Pedro Rosolen Junior

Gerente de Operações Logisticas & Supply Chain no Grupo SinAgro Graduado em Engenharia Mecânica pela FEI com MBA em Gestão Empresarial pela FGV

Junte-se a 11 mil inscritos para receber conteúdos sobre logística

Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form.
Não enviaremos SPAM. Somente dicas de gestão, notícias e aprendizados