2850 profissionais de logística usam o software de logística da Fretefy

Saiba mais

O que é logística verde, conceitos e como funciona

Blog

/
O que é logística verde, conceitos e como funciona
O que é logística verde, conceitos e como funciona

A logística verde é uma tendência que reúne políticas de produção e distribuição sustentável de diferentes mercadorias, abrangendo boa parte da indústria. Indo além disso, ela problematiza as atuais soluções logísticas usadas por pequenas, médias e grandes empresas.

Na prática, esse tipo de logística tem sido debatida com mais frequência à medida que novos estudos avisam sobre a produção, o consumo e o descarte desenfreado. Sendo assim, espera-se que as empresas deem bons exemplos e sigam tendências mais sustentáveis.

Para fazer isso é necessário que todo gestor entenda os tantos conceitos, a razão de ser tão importante e, acima de tudo, como implementá-lo em uma embarcadora, transportadora ou armazém. Sendo assim, nada melhor do que falar e apresentar mais sobre este tema.

Justamente por isso, nós da Fretefy, especialista em software logístico 4.0, produzimos este guia completo sobre logística verde em embarcadores, transportadoras e armazéns logísticos!

Conceitos de logística verde

Também conhecido como logística ambiental e pelo termo em inglês green logistics, a logística verde surgiu ainda em 1990, nos Estados Unidos. À época, o avanço digital permitiu que as empresas adotassem medidas que gerassem menos impacto ao meio ambiente e reduzissem gastos operacionais excessivos.

Hoje, essa perspectiva está mais estruturada e traz conceitos definidos para pequenas, médias e grandes empresas interessadas em adotar novas práticas de sustentabilidade.

Atualmente, os conceitos que sustentam a logística ambiental são: Economia; Meio Ambiente; e Sociedade. Juntos, eles funcionam como um pilar para as práticas sustentáveis da logística.

Para explicar melhor, vale a pena detalhar mais sobre cada um desses pilares.

A economia tem um importante papel na logística verde, afinal as novas medidas precisam ser sustentáveis financeiramente. Ou seja, ela deve ser acessível entre pequenas empresas e grandes negócios.

Muitas vezes, você encontra muitas ferramentas mais sustentáveis para uma empresa logística. De caminhões elétricos a aparelhos de energia solar, mas em todo caso nem todo pequeno negócio consegue adotar essas ideias sustentáveis.

Em ocasiões assim, dificilmente há pouca vontade de mudança por parte do gestor. Pelo contrário, falta o orçamento para atualizar a frota ou reestruturar a empresa internamente.

Sobre o meio ambiente, este pilar da logística ambiental é o mais importante. Aqui, o conceito destaca a importância de ações menos degradantes ao meio ambiente durante qualquer etapa logística.

Por exemplo, você está à frente de uma transportadora e sua frota é baseada em carros e caminhões comuns, isto é, movidos à combustíveis. Infelizmente, toda entrega gera um prejuízo ao meio ambiente, acelerando o efeito do aquecimento global.

Sabemos que hoje não há alternativa para realizar entregas de forma prática e sem gerar algum tipo de prejuízo. Porém, há outros caminhos que uma transportadora pode seguir para causar menos dano.

Uma forma simples é diminuir itinerários desnecessários a partir de uma logística baseada em centralização de informações e acompanhamentos precisos de transportes de cargas.

Além de diminuir os custos da sua transportadora, você diminui a emissão dos gases do efeito estufa.

No caso dos embarcadores, a reestruturação baseada em economia e gestão eficiente dos recursos internos pode ser considerada uma prática verde. Por exemplo, a digitalização de serviços através de um software logístico acaba com a necessidade de imprimir conteúdos.

Assim, se você deixar de imprimir cem mil folhas em um ano, o seu negócio deixará de ser responsável pela queda de dez árvores indiretamente.

Por fim, o último conceito da logística verde diz respeito à sociedade. Na prática, a sociedade precisa estar ciente da importância da sustentabilidade e dar preferência para empresas que seguem boas práticas logísticas.

Ou seja, um destinatário precisa fazer a parte dela e incentivar que as empresas sigam comprometidas em defender e adotar formas menos degradantes ao meio ambiente.

Qual a importância da logística verde?

A logística verde segue a tendência do mundo em adotar práticas mais sustentáveis, da produção à entrega do produto ao destinatário e ao descarte no fim da vida útil do objeto.

Inclusive, anualmente o mundo promove o Dia da Sobrecarga, que marca a data em que o mundo consumiu mais do que produziu. A ocasião também debate as práticas de diferentes indústrias para reduzir o consumismo desenfreado.

Em 2021, o Dia da Sobrecarga chegou em julho, três semanas antes do que em 2020.

Neste ano, a expectativa é que este recorde seja quebrado assim como nos anos que se sucederam, já que não houveram novas práticas ou políticas de sustentabilidade mais afirmativas.

Entre as ações já criadas, a logística ambiental segue como uma ideia mais viável e prática para pequenas, médias e grandes embarcadores ou transportadoras. Em muitos bons exemplos, ela se destaca por andar de mãos dadas com bons resultados.

Justamente essa expectativa de retornos positivos motiva negócios e destaca a importância nos olhos dos gestores à frente das indústrias logísticas.

Em paralelo à otimização do negócio, vale pontuar que as novas práticas ainda auxiliam com o desenvolvimento sustentável. Deste modo, a empresa ainda faz a sua parte para reduzir o consumo desenfreado.

Benefícios da logística verde

Para entender melhor, vale a pena destacar os benefícios da logística verde, seja na perspectiva do empresário, da sociedade e do meio ambiente.

Felizmente, em comum todas as vantagens geram um ambiente de negócio mais otimizado e sustentável, como veremos a seguir!

1. Reduz custos

Como explicamos mais acima, a logística ambiental reduz custos e esta é uma vantagem presente em qualquer área da indústria que adote práticas sustentáveis. Esse benefício unânime acontece porque todo negócio busca reduzir gastos e custos excessivos.

Considerando que todo gasto a menos é um recurso disponível no seu caixa, esta vantagens estão entre as principais para qualquer negócio.

No caso dos embarcadores, a redução acontece por pequenas mudanças internas, seja na hora de centralizar as informações ou de adotar práticas focadas na economia de recursos.

Já para transportadoras, reduzir o tempo do itinerário ou evitar que a frota circule mais do que o necessário é um excelente ganho. 

Então, caso você diminua a emissão de gases agressivos ao meio ambiente e ao mesmo economize, você está unindo o útil ao agradável.

2. Gera credibilidade à indústria

Toda prática positiva gera um diferencial competitivo. Sendo assim, adotar práticas sustentáveis de logística verde gera mais credibilidade a sua indústria logística.

Hoje, os destinatários estão mais preocupados com o posicionamento das empresas e esperam um posicionamento positivo em relação à sustentabilidade. Inclusive, a própria equipe de marketing pode usar este fator como um diferencial do serviço de frete.

3. Promove a sustentabilidade

Outro benefício igualmente importante, a logística ambiental promove práticas mais sustentáveis. Isso gera um impacto positivo para a sociedade e é uma ótima forma da empresa fazer a sua parte em prol de um mundo ecologicamente correto.

Mesmo que as ações pareçam pequenas, toda ação de sustentabilidade gera um enorme impacto. Em muitas vezes, a decisão do seu negócio pode inspirar outros negócios e deste modo provocar uma grande mudança em um bairro, cidade ou estado.

A diferença entre logística verde e logística reversa

Embora defender pautas muito parecidas, a logística verde e a logística reversa não são iguais. Na prática, a logística verde defende pilares que consideram a produção, a entrega e o descarte de resíduos, enquanto a logística reversa se limita no descarte da indústria.

No fim, a dúvida sobre o papel das duas práticas é bastante justa, mas, em resumo, a logística reversa tem um escopo mais limitado.

O principal objetivo da logística reversa está na reutilização de produtos já descartados. Ou seja, uma empresa evita o descarte irregular e estende a vida útil de embalagens, lixos eletrônicos etc.

Como implantar a logística verde na sua empresa?

Criar ações mais afirmativas baseadas em logística verde em embarcadores e transportadoras é uma tarefa complexa. Muitas vezes, as ações de mais impacto precisam de reestruturações internas e novas formas de reduzir o consumo, seja na eletricidade, no consumo de água e na emissão de gases poluentes.

Tendo em mente a realidade de muitas indústrias, a melhor forma de seguir práticas sustentáveis está no gerenciamento mais preciso da sua frota. Neste quesito, a logística 4.0 se destaca como um caminho alinhado à sustentabilidade.

Isso porque essa nova gestão logística é baseada em tecnologia e busca centralizar informações de todos os fretes. Assim, é possível reduzir gastos, otimizar entregas e impactar menos o meio ambiente.

Em um outro artigo, nós explicamos tudo o que você precisa saber sobre logística 4.0. Então, caso queira saber mais, fica aqui o convite para esta leitura!

Por fim, vale destacar que há ainda outras medidas para reduzir o impacto nos processos de entregas de produtos. Uma forma é escolher parceiros alinhados às práticas sustentáveis.

Ou seja, ao contratar uma redespachada, você dá preferência para a empresa que opta por parceiros que dão importância à logística verde.

Conclusão

A logística verde é uma tendência de mercado presente em todas as indústrias e o setor logístico não fica de fora. Em comparação com outras novidades, esta deve ter mais importância à medida que o tempo avança e o consumo acelerado segue como certo.

Em um cenário assim, a sua empresa pode se destacar ao adotar práticas alinhadas à sustentabilidade. Indo além disso, a adoção de algumas ações gera consequências positivas ao seu negócio.

Neste cenário, nós recomendamos que você conheça, adote e invista em novas formas de transportar mercadorias com compromisso ao meio ambiente.

Para começar, nós da Fretefy podemos ajudar com o nosso software baseado em logística 4.0. Nele, você centraliza as principais informações sobre os fretes ativos e garante a gestão eficiente dos transportes ativos.

Caso queira entender e conhecer, clique aqui e descubra o software logístico para embarcadores e transportadoras da Fretefy!

Última atualização:

3

de

February

de

2022

Deixe seu comentário sobre esse artigo