2850 profissionais de logística usam o software de logística da Fretefy

Saiba mais

12 exemplos de indicadores de desempenho logístico

Blog

/
12 exemplos de indicadores de desempenho logístico
12 exemplos de indicadores de desempenho logístico

Tempo de leitura: 9 minutos

Você costuma utilizar indicadores de desempenho logístico para monitorar seu sistema de gestão de transporte? Se ainda não utiliza está atrasado! Principalmente com o crescimento do comércio online a gestão logística necessita de informações em tempo real, para isso as tecnologias estão avançando rapidamente e sua empresa precisa acompanhar esse avanço.

Neste texto iremos enfatizar como os principais indicadores de desempenho logístico são tão importantes no cenário atual e como eles podem impactar a gestão logística da sua empresa.

O que não é medido, não é gerenciado! - Edward Deming

O que são indicadores de desempenho logísticos?

Conhecido também como KPIs (Key Performance Indicator), os indicadores de desempenho logísticos são ferramentas de gestão usadas para mensurar os resultados de alguns processos. Este parâmetro oferece ao gestor informações para tomar melhores decisões e realizar planejamentos estratégicos.

Os Indicadores Chave de Performance são muito conhecidos no meio logístico e são essenciais para uma gestão logística de sucesso. São esses indicadores que fazem a vida do analista de logística ser menos exaustiva e desgastante, eles permitem monitorar diversos processos logísticos ao mesmo tempo, tornando a gestão logística mais eficiente e assertiva.

Os indicadores de desempenho logístico tornam-se a resolução de muitos problemas envolvendo processos operacionais logísticos, os KPIs logístico têm como principal função fornecer dados corretos, em tempo real e de forma rápida.

É claro que cada empresa adequa seus indicadores de desempenho da forma que considera mais interessante para sua operação, o que faz com que fiquem personalizados conforme sua gestão, falaremos mais sobre isso a seguir.

A importância dos indicadores de performance na logística

A área de logística é uma das mais importantes dentro de uma empresa, sendo que os seus resultados impactam diretamente todos os processos da empresa, como lucro e satisfação do cliente.

Muitas pessoas ainda não tem uma noção exata sobre a importância dos indicadores de desempenho logístico no transporte de cargas, podemos dizer que é como um quebra-cabeça onde cada pecinha depende da outra para completar o desenho, na logística é a mesma coisa.  

Quando você tem informações precisas e em tempo real, suas decisões são automaticamente mais assertivas e inteligentes tornando a tomada de decisões algo mais “fácil” para o gestor, o que reflete diretamente na qualidade do serviço prestado ao cliente, elevando o nível de serviço e consequentemente fidelizando o cliente para futuras oportunidades, tudo isso torna-se um ciclo onde uma coisa leva a outra.

Além de todos os fatores identificados acima, não podemos deixar de citar os excelentes resultados que a empresa pode atingir usando os KPI’s como instrumento de trabalho, maior produtividade, otimização de tempo dos profissionais que podem se dedicar a estratégias de planejamento, e claro a redução dos custos logísticos.

É importante saber que os indicadores de desempenho logístico podem ser utilizados em várias empresas independente do segmento em que atuam.

Principais indicadores de desempenho logístico usados no transporte de cargas

Conforme citamos anteriormente, cada empresa pode personalizar seus indicadores de desempenho de acordo com o que for mais relevante e também escolher quais irão aparecer em seus painéis.  

A seguir iremos ressaltar alguns dos principais indicadores de desempenho logístico;

Esses são apenas alguns dos kpis logísticos, porém existem muitos outros que podem auxiliar sua gestão.

Nível de serviço de entregas

Este indicador tem como objetivo medir o cumprimento e desempenho dos prazos de entrega de mercadorias. O desempenho logístico deve levar em conta o momento em que o caminhão foi liberado para realizar o serviço e o tempo que a carga demorou para ser entregue ao destino final.

Com este indicador, é possível identificar possíveis falhas e desafios no transporte de cargas e entender o que está causando os atrasos. Por exemplo, o KPI percebeu que os trajetos da região X costumam atrasar. Isso pode estar acontecendo por conta da má qualidade de alguma via naquele percurso e o problema pode ser resolvido ao roteirizar a rota e mudar o trajeto.

Tempo do ciclo de pedido

O segundo KPI logístico calcula todo o tempo em que um pedido leva para ser concluído, desde quando ele é solicitado até o momento da entrega ao cliente.

Este cálculo é importante para acompanhar todo o processo e encontrar possíveis gargalos na operação. Nem sempre os atrasos na entrega acontecem por conta do transporte, por exemplo. O responsável pode ser algum problema no estoque, documentação ou atendimento ao cliente. Com a avaliação do desempenho deste indicador, o gestor consegue identificar em que momento se encontra o obstáculo e criar ações para minimizar o problema.

Índice de ocorrências

Sempre que alguma situação que não foi planejada acontece é necessário registrar uma ocorrência. O evento pode ser um roubo na carga, uma devolução de mercadoria, troca de produto e mais.

As ocorrências impactam diretamente no lucro e produtividade da transportadora. Ao ter um indicador que mede seu desempenho, o gestor consegue ter controle de quanto tempo e dinheiro está sendo gasto com estas situações e então criar um planejamento para acabar com estes eventos.

Percentual de cargas rastreáveis

O objetivo deste KPI é calcular a razão entre o número de cargas que podem ser rastreadas pela quantidade de mercadorias que foram enviadas em um determinado período. O indicador busca compreender como está o grau de automatização do transporte de carga e até que ponto as suas informações são seguras e confiáveis.

Por exemplo: em um período de 30 dias, apenas 30% das cargas foram rastreadas. Neste caso, é difícil confiar na análise total do serviço, já que não houve um monitoramento sobre os outros 70%.

Graças a tecnologia, a Fretefy possui uma solução para que 100% das suas cargas possuam tracking por um preço justo pelo retorno de investimento.

Exatidão das notas fiscais emitidas

O indicador permite calcular o percentual de notas fiscais emitidas sem erros durante um período determinado. Dependendo do desempenho deste KPI logístico, o gestor consegue monitorar a quantidade de retrabalho que foi feito e a qualidade do serviço prestado, dependendo de qual foi o erro encontrado no documento fiscal (peso, valor, informação do destinatário e etc).

Indicador de incidentes com as cargas

Este é um “indicador de alerta” que muito importante na área logística que deve ser monitorado atentamente, pois ele indica se existiu algum tipo de contratempo envolvendo o pedido, ou seja, indica se a operação ocorreu em conformidade.

Cálculo da conta frete

Este é um dos indicadores logísticos mais importantes para a logística. É ele que vai calcular a soma do custo total do frete, desconsiderando os gastos operacionais. Com o desempenho deste KPI, o gestor consegue acompanhar os custos do frete em diferentes períodos e comparando com os veículos disponíveis na frota. A junção destes dados permite prever quais vão ser os próximos gastos e então estimar um orçamento.

Use um sistema como o Fretefy que soma todos os custos com frete e disponibiliza em um painel de indicadores em tempo real.

Tempo de atraso na entrega

Fundamental para medir a eficiência logística da sua gestão de transporte de cargas e o seu impacto no relacionamento com os clientes, o objetivo deste KPI é medir o tempo de atraso que vem sendo praticado pela empresa.

Percentual de entregas realizadas no prazo

Muito importante para sua gestão logística, este KPI apresentada o percentual das entregas realizadas no prazo, alertando sobre possíveis problemas que podem ser corrigidos rapidamente, o que reflete no nível de satisfação do cliente.

Tempo médio de entregas

Outro indicador de desempenho logístico relevante que podemos relacioná-lo com os custos logísticos, para verificar se a operação está acontecendo com total eficiência e de maneira otimizada.

Indicador de custos logísticos

Tudo o que está relacionado ao custo logístico deve ser considerado como importante, certo? Então monitorar de forma precisa o total de despesas envolvidas em todas as operações evita custos desnecessários e garante competividade de mercado.

Como são definidos os KPIs logísticos?

A definição do KPI está ligada aos objetivos e planejamento estratégico da empresa de transportes.

Os indicadores de desempenho possibilitam uma melhor compreensão da empresa, cuja finalidade é auxiliá-las nas tomadas de decisões, e assim traçar metas que melhorem a qualidade do serviço prestado.

Analise seus Indicadores de Desempenho Logístico

De nada adianta uma empresa ter à mão uma excelente ferramenta se não utiliza todos os recursos que ela pode oferecer, é a mesma coisa com os indicadores de desempenho logístico eles foram desenvolvidos para agilizar toda e qualquer operação que possa se beneficiar dos recursos que ele dispõe.  

Os indicadores de desempenho logístico são parceiros na gestão de transporte de cargas, auxiliam o gestor e toda a operação logística com acesso a dados precisos, melhorando a rentabilidade, fluxo de trabalho e agilizando a operação.

Então não deixe de utilizar tudo o que os indicadores de desempenho logístico podem oferecer a favor da gestão e para que os resultados sejam 100% eficientes, é muito importante que os kpi estejam totalmente alinhados com os objetivos e metas que empresa deseja alcançar para que eles façam sentido no dia a dia da operação.

Dependendo de qual o desempenho deste indicador, a empresa de transporte vai precisar repensar o seu planejamento estratégico de operações.

As duas atitudes mais tomadas para recuperar o resultado positivo deste KPI

  1. Aumentar a eficiência logística, especialmente reduzindo o tempo com questões burocráticas e encontrando formas de otimizar as rotas.
  2. Alterar o prazo de entrega e estender a data para uma perspectiva mais realista de acordo com o desempenho encontrado. Por exemplo, o gestor percebe que as entregas normalmente duram 5 dias, mas o prazo apresentado ao cliente é de 3 dias.

Como ter um painel de indicadores logístico fácil para gerenciar

Um grande problema dos gestores de logísticas é atualizar manualmente planilhas para que esses indicadores esteja disponíveis.

Se você deseja ter agilidade nessa função, recomenda-se contratar uma ferramenta que disponibilize um dashboard de KPIs logísticos de forma automática a Fretefy dispõe de um software logístico extremamente completo e funcional, que te permite tomar decisões de maneira antecipada aumentando a atenção em pontos importantes da operação.

Conheça o módulo de painel de indicadores logístico da Fretefy.

Leia também:

Última atualização:

8

de

June

de

2022

Deixe seu comentário sobre esse artigo