2850 profissionais de logística usam o software de logística da Fretefy

Saiba mais

Sistema de gerenciamento de transporte (TMS): O que é e como funciona?

Blog

/
Sistema de gerenciamento de transporte (TMS): O que é e como funciona?
Sistema de gerenciamento de transporte (TMS): O que é e como funciona?

Quem atua no setor logístico conhece bem as dificuldades e obstáculos recorrentes da área. Quando nos referimos à transporte de cargas, então, os empecilhos são ainda maiores. 

Isso porque, não é tão prático lidar com planilhas para a organização das demandas, informações sobre frete e entrega dos produtos. É preciso atualizar o documento constantemente, o que se torna um trabalho desgastante com o tempo.

Para resolver essa situação, o ideal é investir em um sistema de gerenciamento de transporte, ou TMS. Com esse software, você consegue atender as exigências dos clientes, sem afetar a qualidade das entregas. Confira mais sobre o assunto a seguir!

O que é o sistema TMS (Sistema de gerenciamento de transporte)?

O termo TMS vem do inglês Transportation Management System, que significa Sistema de Gerenciamento de Transporte. 

No ramo da logística, é um software que faz a gestão de todas as operações de transporte, facilitando o controle das entregas de modo amplo e integrado. Assim, seu negócio consegue satisfazer melhor os clientes, além de manter a competitividade no mercado. 

Em um sistema TMS, é possível unificar diversas atividades que, normalmente, são executadas em ambientes separados. As principais são:

  • emissão de conhecimentos e manifesto de cargas;
  • visualização de embarques, coletas e entregas;
  • cadastro de taxas e tarifas;
  • andamento das entregas e controle das operações;
  • controle das cargas e relatórios sobre as entregas;
  • visualização do faturamento e prazo médio de recebimento;
  • controle financeiro da transportadora.

Todas essas tarefas são agrupadas em só lugar, deixando o dia a dia do empreendimento bem mais fluido e descomplicado. 

Saiba mais sobre os softwares de logística da Fretefy!

Sistema de gerenciamento de transportes : Quais são os sistemas TMS?

Você pode encontrar 3 tipos diferentes de TMS no mercado atual. Para não errar na escolha e adquirir o software adequado para as necessidades da sua empresa, é necessário conhecer bem os diversos modelos. São eles:

  1. TMS para embarcadores: solução ideal para empresas que contratam serviços de transportes, com os embarcadores. Essa TMS permite o controle do planejamento das tarefas e das operações de forma automatizada;
  2. TMS para transportadoras: opção adequada para empresas encarregadas do controle de vendas de frete para os embarcadores, no caso, as transportadoras;
  3. TMS para operadores logísticos: alternativa correta para empresas que terceirizam todas as operações logísticas da organização. Esse sistema funciona comparando fretes das transportadoras e vendendo fretes para os embarcadores.

Quais as principais funções do sistema TMS?

Para gerenciar uma transportadora com eficiência, é necessário controlar cada fase do percurso de transporte de carga. Isso evita que atrasos, extravios e outros problemas surjam na operação.

Entretanto, isso só é possível com um com TMS em mãos. Um software de qualidade oferece funcionalidades completas para o funcionamento do negócio. Veja o que o sistema de gestão de transportes pode fazer pela sua empresa:

  • planejamento: controle de orçamento de transporte, monitoramento das rotas, cálculo das dimensões do equipamento, renovação de frota etc.;
  • operação: controle de transbordo, de entrega, de coleta, além do rastreamento das entregas;
  • custos: visão ampla do custo das operações e gastos com manutenção;
  • rastreamento: acesso à transmissão de dados wireless, interface de monitoramento com GPS, tecnologias com leitura de código de barras nos veículos;
  • faturamento: registro de notas fiscais, cadastro de clientes, fornecedores, informações de coleta, emissão de conhecimentos etc.;
  • expedição: controle do envio de cargas para o destino;
  • rentabilidade: informações sobre o rendimento de cada cliente para a organização.

O que não é função do TMS?

Como te mostramos mais acima, um sistema de gerenciamento de transporte possui inúmeras funções essenciais para o bom funcionamento do seu negócio. 

Contudo, existem algumas tarefas que não são inerentes ao TMS. Uma delas é o controle de estoque e gerenciamento dos materiais. Essa é uma funcionalidade do WMS (Sistema de Gerenciamento de Armazém).

Qual a vantagem da utilização de um software TMS?

Sabemos que o setor de logística desempenha um papel essencial na economia brasileira. Nesse sentido, é importante investir em tecnologias e melhorias de infraestrutura, buscando a qualificação e otimização das atividades do ramo.

Contudo, muitas organizações ainda hesitam em apostar no sistema de gerenciamento de transporte. 

Porém, o fato é que a complexidade do segmento requer a adoção de softwares que possibilitem sua gestão de forma integrada. Com isso, reunimos as principais vantagens dos sistemas TMS para uma empresa:

  • possibilita a redução de custos;
  • facilita o planejamento das operações;
  • possui compatibilidade com outros sistemas;
  • oferece o compartilhamento de informações;
  • otimiza o relacionamento com o cliente.

Quais os melhores sistemas TMS?

Antes de falarmos sobre os melhores sistemas TMS, é importante que você entenda as diferenças entre os modelos existentes. 

Algumas opções exigem a instalação em um único desktop. Outras alternativas funcionam inteiramente online, sem precisar baixar nenhum programa. 

Além disso, os diferentes tipos apresentaram variações em seus recursos. As funcionalidades que citamos nos tópicos anteriores são as mais comuns. 

Nesse sentido, analise bem os modelos disponíveis e certifique-se de que o escolhido pode suprir as necessidades do seu empreendimento. Para isso, você deve considerar:

  • realidade da companhia: avalie se o sistema é compatível com o tamanho do seu negócio e pode dar conta da quantidade de atividades;
  • número de operações: verifique se o TMS consegue suprir o volume mensal de demandas, e se permite o cadastro de novas conforme forem aparecendo;
  • estrutura do negócio: veja se os computadores são compatíveis com o sistema e funcionarão bem após a instalação;
  • integração com sistemas: confira se o TMS possibilita a realização de inúmeras tarefas relacionadas à gestão de transporte, como o controle de notas e monitoramento de rotas;
  • capacidade de suporte: analise se o sistema possui uma curva razoável de aprendizagem e se oferece suporte para a equipe durante esse período.

Confira as melhores soluções em gestão logística!

Conclusão

Viu como um sistema de gerenciamento de transporte é fundamental para o crescimento do seu negócio de logística? 

Não é possível planejar desenvolvimento e geração de receita, sem considerar o uso de tecnologias que ajudem seu empreendimento a melhorar.

Nesse sentido, utilize um TMS para aprimorar suas entregas, economizar tempo e recursos, controlar as operações e expandir a empresa de forma integrada.

Última atualização:

3

de

February

de

2022

Deixe seu comentário sobre esse artigo